VIAGEM: Chapada dos Veadeiros

Oi, tudo bem?

Vivi a infância em Pires do Rio-GO e com 11 anos de idade mudei para Brasília. Graças a Deus que mudei para lá pois, foi a oportunidade de viver a adolescência no melhor lugar que há pra ser um adolescente. (na minha opinião)

Nesse ano, estava cursando a 4ª série e ingressei em uma turma de colégio muito especial. Na sala conheci meus dois melhores amigos da vida: a Úrsula e o Wallison.

Hoje, se passaram 10 anos e para comemorar uma década de amizade, propus que fizéssemos uma viagem juntos, só nós três e eles toparam. Destino: Alto Paraíso! ❤ #partiu #viagemdosamigos

1º DIA (quarta-feira)

Saímos de Brasília às 8h e chegamos por volta de 11h em Alto Paraíso. Compramos a estadia no Buddy’s Hostel por 450,00 durante 3 dias. Por conta de um “overbooking” fomos transferidos para uma casa. No início, fiquei apreensiva mas a Alice (dona do hostel) foi bastante atenciosa e disse que iríamos adorar. Chegamos na casinha e me encantei. Uma casa na árvore 🙂

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti casinhachapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti casinha 2

A “casa” é somente o andar superior. Tem varanda com sofá. Na própria varanda fica a cozinha com geladeira, fogão, pia e utensílios. No quarto uma cama de casal e uma de solteiro e um banheiro com banheira. Tudo muito organizado. Adoramos!

*Vou deixar o contato da dona no final desse post.

Dicas: importante levar roupa pra caminhada, um tênis bom, uma mochila e água, muita água sempre que for se aventurar por lá. – fomos em Julho e fez muito frio então, não esquece de levar vários casacos e um edredon (extra) – dinheiro na mão, esquece o cartão quando for para os passeios – no posto de gasolina, eles aceitam cartão

VALE DA LUA

Em todos os trajetos que fizemos por lá, utilizamos o Waze e deu super certo. O trajeto é de 40km, bem pertinho da cidade e a estrada é ótima. O lugar tem estacionamento e pagamos 20 reais por pessoa para entrar. Caminhadinha leve para chegar até lá, muito bem sinalizada. Durante a caminhada o visual é lindo e quando você chega no destino é de babar. É lindo. Impressionante. Diferente de tudo que já vi na vida. Esse passeio é obrigatório se for para a chapada.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti vale da lua

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti vale da lua 2

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti vale da lua 3

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti vale da lua 4

A água é geladássa. Não animei de entrar… muito fria mesmo. Não tinha muita gente mas, dizem que nos finais de semana lota. Resumindo: lindo, magnífico, perfeito… daí já percebemos que essa viagem ía ser incrível, inesquecível.

Iríamos conhecer as Almécegas mas, estávamos cansados e decidimos voltar para cidade. Almoçamos (às 15h) em um self service (Rest. Moinho) bem barato mas, a carne veio salgada. Passamos no supermercado (acho que o nome era Paineiras) que foi nosso aliado nessa viagem e compramos o que seria preciso para passar os três dias tomando o café da manhã em casa.

2º dia (quinta-feira)

Partimos para a jornada que prometia ser uma aventura daquelas. IMPORTANTE: abasteça o carro antes ir. Tanque cheio viu? Colocamos no Waze e deu super certo. Fomos conhecer a cachoeira Santa Bárbara próximo de Cavalcante-GO. O ideal é ir na quinta, porque sexta lota e sábado é impossível. A cachoeira é pequena e se tiver muita gente, acaba com o esquema.

CACHOEIRA SANTA BÁRBARA

Saímos de Alto Paraíso umas 9h para chegar lá antes de meio dia, pois meio dia é a hora que o sol bate na cachoeira e fica um espetáculo. São 190km de estrada sendo 30km de estrada de chão bem difícil. Aconselho ir numa 4×4 mas, fomos de carro de passeio (Picanto) e deu tudo certo.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti santa barbara

No caminho você vai chegar numa comunidade quilombola e lá será obrigado a contratar um guia por 70 reais. O passeio inclui a visita à Cachoeira Santa Bárbara e à Cachoeira Capivara. Aproveitamos e deixamos pago um almoço de 20,00 por pessoa se eu não me engano. Com a guia (Ana) dentro do carro, fomos em direção à cachoeira. No caminho você passa por um riozinho que dá medo de passar com o carro mas, siga as orientações do guia que dá tudo certo. Paramos o carro e iniciamos a caminhada de aprox. 2 km a pé.

Tem um cachoeira pequena na chegada que já é incrível mas, a cachoeira incrível mesmo fica acima. É isso… chegamos no paraíso.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira santa barbara 2chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira santa barbara 5

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira santa barbara 3 chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira santa barbara 4chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira santa barbara 6


Que vibe desse lugar. Acho que vai demorar até eu encontrar uma cachoeira tão linda quanto essa. Maravilhosa, de tirar o fôlego. Que privilégio!

Enrolamos o máximo que podíamos lá e em seguida, fomos para a Cachoeira Capivara.

CACHOEIRA CAPIVARA

Voltamos para a comunidade quilombola e pegamos um outro caminho para ir até a Capivara. Andamos pouco. Deixamos o carro em um ponto e seguimos a pé para uma caminhada surpreendente. No caminho:

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 3

*segundo a guia essa pedra em formato de peixe, é escultura da natureza. Eu acho que pelo menos o “olho” teve uma mãozinha do ser humano mas, mesmo assim é bela.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 2

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 5Enfim, chegamos na cachoeira Capivara. É uma cachoeira longa, com várias quedas e muito, muito imponente. Nessa hora você pode contemplar a beleza e a grandeza da natura… é de arrepiar.

Então, vamos por partes… 1ª queda da cachoeira.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 7

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 6

2ª queda da cachoeira

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 8 chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 9

3ª queda da cachoeira e quedas seguintes. Subimos nessa pedra que fica bem na ponta e dá pra ver a água correndo sem fim até lá em baixo. Que medo! é muito, muito alto.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 11chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 12

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 10

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti cachoeira capivara 13

Voltamos para a comunidade para almoçar. Pensa comer tudo orgânico? Eles plantam tudo lá, abóbora, mandioca e etc. A mandioca que eu comi nesse lugar é a mandioca mais gostosa que já comi na vida. Que delícia!

Conversando com a guia descobrimos que eles só tiveram acesso à energia em 2004. Pensa? Ela tem a minha idade e nunca acessou à internet. Comassim Brasil? Sim…

Como ficava no caminho de volta, decidimos aproveitar a viagem e fomos para o Poço Encantado.

POÇO ENCANTADO

Chegamos lá por volta de 17h30 e não tinha mais ninguém. O rapaz deixou a gente entrar por 10 reais a pessoa porque, fecharia às 18h. É um lugar bem estruturado, tinha restaurante e tals.

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti poço encantado

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti poço encantado 2 chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti poço encantado 3

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti poço encantado 6

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti poço encantado 5

chapada dos veadeiros alto paraiso leidi turatti poço encantado 4

3º dia (sexta-feira)

Dia de encarar uma aventura de verdade. Trilha no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

IMPORTANTE: encha a mochila de água e comida. Não tem infraestrutura dentro do parque. Nenhum lugar que venda água então, vá munido de tudo que precisa para passar o dia todo por lá. A caminhada é dura, então, água é essencial. Protetor solar, boné, repelente…

Fomos de carro e erramos o caminho porque eu, desmiolada, marquei errado no Waze. A estrada é caminho para cidade São Jorge e bem tranquila. Chegando em São Jorge peça para alguém te indicar onde fica o Parque. É bem fácil de chegar. Chegamos no Parque Nacional 11 horas. Ele fecha às 12h. Não paga nada pra entrar e não precisa de guia porque, a trilha é muito bem sinalizada. Você pode escolher umas das duas trilhas Saltos ou Canions/Cariocas.

Quando chegamos, não tinha mais vaga para ir para os Canions e íamos para os Saltos. Na trilha, no momento decisivo em que escolheríamos entre a seta amarela (Saltos) e seta vermelha (Canions) decidimos mudar o rumo e fomos para os canions.

5,5km de caminhada para chegar até lá. Andamos ligeiros e demoramos 1hora e 30min para chegar. Que canseira! Vimos algumas pessoas com muita dificuldade para fazer a caminhada e até um senhorzinho bem idoso indo bem devagar mas, com muita convicção. Fiquei com medo dele passar mal e ter um treco. Foi de cortar o coração! Encontramos com ele na ida e na volta. Que batalha! Se pra nós estava difícil, imagina para ele…

Enfim, chegamos.

CANIONS

chapada dos veadeiros são jorge canions 2

chapada dos veadeiros são jorge canions

chapada dos veadeiros são jorge canions 10

chapada dos veadeiros são jorge canions 7 chapada dos veadeiros são jorge canions 8 chapada dos veadeiros são jorge canions 9

chapada dos veadeiros são jorge canions 3 chapada dos veadeiros são jorge canions 5

O lugar é enorme. Dá para curtir cada cantinho e ir explorando aos poucos. Imponente, grandioso. Um lugar incrível.

Na volta, decidimos andar mais um pouco. Decidimos conhecer a Cachoeira Cariocas que ficava ao lado.

CACHOEIRA CARIOCAS

Caminhamos uns 800 metros e descemos um verdadeiro rio de pedras e fiquei só imaginando como seria pra subir aquilo tudo. Por que a gente decidiu fazer esse caminho? Algumas pessoas estavam voltando e dava para ver o sofrimento no rosto de todos… putz!

De cima, o visual é incrível. Dá até um medo de escorregar e sair rolando de tão íngreme que é… mas, é lindo. Enfim, chegamos…

chapada dos veadeiros são jorge cariocas 2 chapada dos veadeiros são jorge cariocas

Demos um mergulho e respiramos. Não deu tempo de descansar… já tínhamos que voltar pois, 18h escurece e aí fica punk. Fomos embora umas 17h.

Voltando ao ponto de início fizemos a seguinte reflexão: por que será que precisamos caminhar 13km para esvaziar a mente? Em momento algum, durante o trajeto, pensamos em nossos problemas, nossas queixas… o foco estava no caminho, em chegar no destino.

Andar isso tudo e perceber que muitas pessoas não tem condições físicas para fazer esse caminho e que algumas pessoas vão morrer e nunca conhecerão esse lugar, nos faz pensar que devemos ser gratos por tudo. Como fomos privilegiados nessa viagem. O que fica é só gratidão e ótimas lembranças. Obrigada Senhor pela oportunidade e parabéns para nós pela coragem, garra e determinação!

No caminho de volta, aproveitamos para passar na “Matula do Waldomiro“. Comidinha delícia e bem feita, vale a pena experimentar. Pagamos 30 reais por pessoa para comer à vontade. Depois de gastar toda energia existente no nosso corpo, era hora de repor as calorias 🙂 Percebi que o forte lá, são as cachaças. Enquanto comíamos, muita gente apareceu para comprar as cachaças que tem sabores variados: gengibre, abacaxi e etc.

4º dia (sábado)

Ah nem… último dia em #HighParadise. Fomos conhecer Loquinhas. Fica bem pertinho da cidade. Anda-se pela estrada de chão mas, é bem tranquilo. Tem estacionamento. Pagamos 20 reais por pessoa e você pode optar por dois caminhos mas, dá para fazer os dois caminhos tranquilo.

Eles construíram um corredor de madeira em toda a trilha, então dá para ir de havaianas de “buenas”. Muito tranquilo pra caminhar. Fomos em Julho, época de seca e as quedas d’água estavam bem fracas. Não achei tão legal…

chapada dos veadeiros alto paraiso fazenda loquinhas 2 chapada dos veadeiros alto paraiso fazenda loquinhas 3 chapada dos veadeiros alto paraiso fazenda loquinhas

Foi bom fazer esse passeio para acalmar e preparar para o retorno pra casa. É um programa totalmente família. Sem perigo algum. No dia anterior, tinha sido tão emocionante que acho que foi por isso, que esse passeio pareceu tão ruim.

ONDE COMER

No primeiro dia, jantamos em casa e fizemos macarrão. No segundo dia jantamos na Pizzaria Vila Chamego. Que lugar agradável! Leve um casaco de frio, pois é um restaurante aberto. A pizza é simplesmente deliciosa e não tem talher… você come com a mão. Estava tocando música ao vivo. Foi tudo nota dez!

No terceiro dia jantamos em um restaurante que eu não lembro o nome. É bem bonitinho e fica na avenida central da cidade. Serve só massas. Não gostei.

No último dia, antes de ir embora almoçamos no Coisas da Drika. Por que não encontramos esse lugar antes? É um restaurante vegetariano topíssimo!

Você precisa experimentar o Falafel e o Bolo de Chocolate. Voltei pra casa feliz depois de comer dois pedaços desse bolo di-vi-no que não deu tempo de tirar a foto!!!! Pedi um suco verde mas, não gostei. Acho que eles colocam muito gengibre…

falafel coisas da drika alto paraiso chapada dos veadeiros

Enfim… nossa viagem chegou ao fim. Só agradecimentos por ter conhecido esse lugar incrível com pessoas tão diferentes. Parecia que eu tinha voltado para os anos 70… muitos hippies e pessoas estranhas, kkkk.

Na próxima vez que formos para Chapada novamente, pretendemos conhecer as Almécegas, Catarata dos Couros, voltar para a Cachoeira Santa Bárbara, comer no restaurante Jambalaya (que não passa cartão) e comer o Falafel e Bolo de Chocolate na Coisas das Drika de novo.

Contato da dona da casa da árvore: Nayana 61 8323-7454 (sim o DDD dela é de Brasília).

E aí o que achou desse post enorme? Gostou? Já foi para Alto Paraíso? Me passa as dicas!

5 comentários sobre “VIAGEM: Chapada dos Veadeiros

  1. Adorei Leidaaãoo…
    Texto muito bem segmentado, bem escrito. Descreveu de forma muito clara essa aventura ímpar!

    Está de parabéns!

    Ps: podia ter polpado minhas caretas kkkk

    Curtir

  2. Eu amei o post enorme! Muita gente me falou desse lugar mas nunca de maneira tão completa como seu texto. Você é muito aventureira hahahahahaha Eu sou mais slow mas acho que o vale da lua e a cachoeira santa barbara eu gostaria muuuuuuuuuuuuuito de conhecer. Concordo com vc, esses lugares nos dão uma paz tremenda, tornam nossos problemas em algo minúsculo e percebemos um pouquinho da grandeza de Deus!

    Amei seu post, de verdade!

    Curtido por 1 pessoa

    1. Cami que boooooom!!! Demorei tantas horas para montar esse post e só pensei em mim, quando fui procurar dicas de lugares e valores e não encontrava nada… pensei: preciso fazer um post eficiente, que ajude mesmo. Que bom que eu consegui!!! 🙂
      Assim que tiver uma oportunidade, vá conhecer. Vale a pena demais. É incrível e está bem pertinho da gente. Se for, me conta tudo viu?!
      Um beijo e obrigada pela visita! ❤

      Curtir

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s